Sobre Alta Floresta - MT

Por que vir para Alta Floresta?

O município de Alta Floresta possui uma área de 8.947,07 km² e está localizado no extremo norte do estado de Mato Grosso, a 830 km da capital do estado, Cuiabá. Apresenta clima tropical chuvoso, com duas estações bem definidas: verão chuvoso e inverno seco. Temperaturas entre 20° a 38 °C, tendo em média 26 °C. As temperaturas podem beirar os 40 °C nos dias mais quentes em alguns pontos do município. Nos meses chuvosos, sua pluviosidade pode atingir médias muito elevadas, algumas vezes superiores a 2.750 mm no ano.

 

Apresenta a quarta maior população bovina com 747.578 cabeças de gado (ABIEC, 2016) e também está se destacando na produção de soja e milho, com crescimento de 50 % da área a cada safra, passando a ser a mais nova fronteira agrícola do Norte do Estado de Mato Grosso.

 

O encontro da floresta tropical com o cerrado e um resquício do pantanal reúne uma fauna e flora de rica beleza, além de uma abundância de espécies. Macacos, cervos, felinos, antas, cutias, além de mais de 500 espécies de aves habitam a região em plena harmonia, com uma vegetação exuberante de muitas bromélias e orquídeas enfeitando o cenário.

 

Quem visita Alta Floresta tem uma gama grande de atrações, relacionadas principalmente ao turismo ecológico e contemplativo, onde os amantes da natureza e das aventuras podem se esbaldar nas belezas naturais.

 

Pode vir tranquilo para Alta Floresta, pois a cidade possui boa infraestrutura hoteleira, com diversas pousadas que oferecem local para observação das aves, ecoturismo, atividades de pesca esportiva e turismo de aventura, como arborismo e trekking.

 

Entre as atrações turísticas de Alta Floresta temos Pousadas: Pousada Rio Azul Jungle Lodge, Pousada Mantega e o Parque Estadual Cristalino, uma joia da biodiversidade na divisa com o Pará. O Parque foi criado em 2001 com a finalidade de proteger e preservar a região.

Os amantes das flores tem espaço privilegiado para observação de mais de 5 mil orquídeas, bromélias, cactos, antúrios, helicônias, entre outras espécies que estão espalhadas pelo Recanto das Orquídeas, uma chácara de 20 mil m², cuidada pela bióloga Apolônia Grade.

De volta à cidade, visite o Museu de História Natural de Alta Floresta, projeto de pesquisa e extensão da Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT), que reúne em seu acervo bens do patrimônio histórico e cultural da região norte do Mato Grosso, como fósseis, utensílios de pedra, minerais e outras peças arqueológicas.

Vá também à Casa do Artesanato e conheça as peças típicas da região, como luminárias e enfeites de cachos de coqueiros e objetos de madeira com marchetaria de cipó.

Ainda no centro da cidade, não deixe de visitar, o avião exposto na Praça da Cultura. Esta aeronave que foi o principal meio de transporte da região. Traziam carga de Cuiabá para Alta Floresta, principalmente comida e remédio e hoje é o símbolo do desenvolvimento do município.

Esperamos vocês e já desejamos boas vindas a nossa cidade!!!

 

À Comissão Organizadora.

 

Fonte:

http://www.guiaviagensbrasil.com/mt/alta-floresta/#ixzz4jE9E7Jrm

http://gshow.globo.com/TV-Centro-America/E-Bem-MT/noticia/2015/11/alta-floresta-uma-das-cidades-mais-importantes-de-mato-grosso.html


Área do Participante



Esqueceu sua senha?








II Simpósio Nacional sobre Plantas Daninhas em Sistemas de produção Tropical
V Simpósio Internacional Amazônico sobre Plantas Daninhas
28 a 29 de setembro de 2017
Anfiteatro do IFMT
Alta Floresta - MT

WebSite Produzido por
BM2 - Tecnologia em Internet